Luciene Araujo, 46 anos – Câncer de Mama

 

Descobri o câncer de mama em março de 2008 aos 38 anos. Fiz punção de um nódulo de 1,5 cm e outro na axila de 3cm. O resultado de ambos foi CARCINOMA INFILTRANTE DE AUTO GRAU NUCLEAR estágio III positivo her2 e com 12 linfonodos comprometidos. Fiz 8 quimioterapias e 28 radioterapia. O médico disse que tinha 40% de chance de sobreviver, mas se tomasse o Herceptin minhas chances de sobrevida aumentariam para 80%. Tive que entrar na justiça pra conseguir essa medicação. Só consegui após 3 meses e meio de terminar as quimios. O onco disse que não faria mais o efeito desejado, mas bati o pé e tomei assim mesmo por 1 ano. O momento mais difícil foi o diagnóstico em si.

Tive medo de morrer e deixar meus filhos. Me separei e tive que parar a faculdade pois pagava aluguel. Meu filho tinha 10 anos e a Larissa 17 anos. Me senti só. Ia fazer as quimios de ônibus e voltava de metrô e ônibus. Tinha que ser forte pra passar segurança para os meus filhos. Agora em junho faz 8 anos do diagnóstico sem metástases e 6 anos que não tomo nenhuma medicação para o câncer.

O que mudou na minha vida após a doença foi que passei a olhar o mundo com um outro olhar. A dar mais valor às coisas mais simples da vida! A buscar ser feliz sempre independente das circunstâncias. Vivo intensamente cada segundo da minha vida como se fosse o último. Brindo a vida com um copinho de café, uma água e porque não uma champanhe de vez em quando! Sou feliz e busco ser sempre. E vc que está começando o tratamento agora. Muita força, fé que tudo passa. São fases, agradeça a oportunidade de poder lutar. E logo você estará bem, sairá do casulo e se transformará em uma linda borboleta. Estará bem e brindando, vivendo intensamente e agradecendo esse milagre chamado VIDA!!!

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.